Abrir imobiliária em franchising

imobiliarias itaipava Judice Araujo
Um dos setores mais envolvidos na franchising é o imobiliário. São muitas as
marcas conhecidas que, face ao pagamento de royalties e de uma taxa de
entrada (por vezes muito elevada), permitem explorar a sua marca e exercer a
profissão, limitando o risco empresarial que é muito sentido pelos jovens pessoas
e iniciantes em geral.
Esta é uma oportunidade interessante: os franqueadores cuidam pessoalmente
do mobiliário do local (que se adapta às regras impostas pela matriz) e oferecem
uma sólida formação profissional. Além disso, se você optar por aderir a uma
franquia imobiliária, receberá toda a assistência necessária para garantir uma
excelente gestão administrativa do seu negócio. E sair sem contratempos e
preocupações excessivas. De qualquer forma, a escolha da franchising deve ser
muito bem ponderada, com base nos recursos financeiros do futuro
empreendedor e nas suas ambições profissionais.
Em princípio, podemos dizer que a franchising é uma fórmula que se adapta bem
a quem tem um capital inicial importante (não inferior a 50.000 euros) e prefere
ter uma estrutura consolidada atrás de si que os apoie na organização da gestão
da sua imobiliária. Enquanto a gestão autónoma é mais adequada a quem tem
um orçamento mais reduzido ou a quem não pretende submeter-se a regimes
pré-definidos porque depende inteiramente da sua iniciativa empresarial.

Leave a Reply

Your email address will not be published.