Contrariando tudo o que está na moda, a banda Dog Joe cada dia mais conquista público e espaço nas noites de Santos e região. Sem medo de arriscar, Digo Maransaldi (voz e bateria), Eduardo Elói (voz e guitarra) e Rogério Duarte (baixo) enchem o repertório com nomes como Robert Johnson, Leroy Carr, Elmore James, Muddy Waters, B.B. King, Buddy Guy, entre outros grandes nomes do Blues mundial. Mas isso não começou agora!

Santos, 1992, FAUS (Faculdade de Arquitetura e Urbanismo de Santos) – Digo tocava com Sérgio Ignácio (baixista) e a dupla faria um show na Unisantos. Sérgio disse a Digo que tinha chamado um cara para fazer um som com eles e que o rapaz era a reencarnação de Jimi Hendrix e Buddy Guy, ou seja, um verdadeiro bluesman, mas Digo achou aquilo um pouco exagerado. Naquela noite ele conheceu o Eduardo Elói (Dudu), percebeu que não era exagero e aquela Jam que deveria durar 10 minutos, durou mais de uma hora. Ali nascia o Delta Blues (primeiro nome da banda), que durou até 2001. Depois disso, cada integrante seguiu a sua vida: o Dudu montou outra banda de blues, Sérgio mudou de cidade e Digo começou a tocar MPB e samba-rock.

DOG JOE

Dog Joe dá uma palhinha para nosso site 

dog-joe_junho2Foi só em 2012, quando Sérgio veio a Santos, que eles decidiram fazer um “revival” da banda e adivinhem: o show lotou. E o mais legal é que a maioria do público era pessoas que acompanhavam o Delta Blues naquela época. Depois dessa noite, Digo não teve dúvidas de que a banda precisava voltar. Eles chamaram o Rogério Duarte (Xuxa) para integrar o power-trio, que topou na hora, e decidiram mudar o nome da banda por conta de uma dica do amigo e produtor musical Eugênio Martins. Dudu e Digo explicam que o nome Delta Blues remete ao blues do Mississipi, e o som que a banda faz é mais voltado ao blues-rock e old-rock. Desde então o trio passou a se chamar Dog Joe e, a partir daí, a banda não parou mais de tocar. Com uma agenda lotada, a banda conta várias formações: duo, que conta com o Dudu na guitarra e o Digo fazendo a base no violão, o trio eletroacústico, com tem Dudu na guitarra e voz, Digo no violão e voz, e a Patricia Gonçalves na percussão, além a formação clássica: Dudu, Digo e Xuxa.

BLUES ROCK HOTEL

Blues Rock Hotel é o trabalho autoral dos caras e é sensacional! Até porque não é nada fácil fazer blues no Brasil e na língua portuguesa. Na época que a banda era Delta Blues, eles já haviam gravado uma fita demo e resolveram resgatar três canções dessa época para homenagear o público que os acompanha desde então. São elas: Delta Blues, Lady e Vida Mansa. As músicas Boa Sorte, Dog Joe e Na Pegada do Blues foram compostas especialmente para o disco. Inspirados em artistas brasileiros, como Blues Etílicos, Celso Blues Band e André Cristovam, as letras trazem a história do blues, além de outros temas que vale a pena conferir.

Confira o videoclipe da música “Boa Sorte”

Para conhecer mais a banda, acesse:
www.facebook.com/bandadogjoe
www.soundcloud.com/bandadogjoe
www.youtube.com/bandadogjoe